NÃO CONSIGO APRENDER!

Muitos estudos teóricos apontam que as dificuldades de aprendizagem afetam a pessoa na sua totalidade, pois ela sofre pela subestimação que sente por não conseguir cumprir com aquilo que é esperado de si mesma e com o que os outros esperam dela, uma vez que vivencia no olhar dos outros a sua desvalorização e se sente inferiorizada. Esse sentimento faz com que o aluno tenha um baixo rendimento escolar e a cada dificuldade ele vai acreditando que não é capaz de aprender.Essa problemática ocorre a partir de fatores de ordem intra ou extras escolares que podem levar ao fracasso escolar. Nesse sentido, é importante o apoio do psicopedagogo na mediação no tratamento das dificuldades, assim como o apoio da família e da escola no processo de ensino aprendizagem. (MARTINS & FIGUEIREDO, 2011).A baixa autoestima é um dos fatores que mais comprometem o processo de ensino aprendizagem e que uma das causas é a falta do acompanhamento adequado da família e do profissional docente durante as explanações das atividades. Apesar de estudos e recursos que oportunizam o desenvolvimento do ensino como jogos, desenhos, brinquedos, brincadeiras, conto de histórias, computador, ainda a criança precisa do olhar e do acompanhamento constante para seu amadurecimento. A criança precisa se sentir parte do processo e entender que sua presença e participação é importantíssima, isso a tornará uma cidadã consciente, crítica e capaz de ultrapassar as dificuldades encontradas no decorrer da aprendizagem.Nesse contexto, o psicopedagogo buscará facilitar o vínculo do aluno com o processo de aprendizagem e o resgate do prazer de aprender, desenvolvendo a autoestima e melhorando seu desempenho escolar.
#TaquesTavares

Ainda não há comentários

Deixe um comentário

Your email address will not be published.